Conecte-se conosco

ECONOMIA PARAENSE

Renda Pará inicia pagamentos para novo segmento como ambulantes e feirantes

São 16.657 pessoas cadastradas previamente e aptas a sacar até R$ 400, nas agências do Banpará, conforme o calendário de aniversariantes

Foto: Rodrigo Pinheiro / Ag.Pará / Fonte: Agência Pará

O Programa Estadual Extraordinário Renda Pará começou a beneficiar uma nova categoria profissional nesta terça-feira (18). Ambulantes, catadores de recicláveis, feirantes e guardadores autônomos de veículos, previamente cadastrados, têm direito a realizar o saque de até R$ 400, nas agências do Banco do Estado do Pará (Banpará), conforme o calendário de aniversariantes.

A vendedora de refeições Sara Veiga, 56 anos, lembra quando as barracas do Ver-o-Peso fecharam por conta do alto nível de contágio do coronavírus. “Não tínhamos mais venda ficou difícil. E agora esse dinheiro já é uma grande ajuda porque ainda tá difícil mesmo já tudo funcionando, mesmo assim as vendas fracassaram um pouco. E graças a Deus por essa ajuda, porque muitos querem um momento desse e não tem. Nós estamos tendo pelo menos para amenizar alguma coisa. E devemos dar graças a Deus por tudo e quero agradecer porque isso tá alcançando muitas pessoas que estão precisando. E veio num bom momento para aliviar o pagamento de alguma dívida”, comemorou a autônoma.

São 16.657 pessoas cadastradas previamente, conforme explica o secretário de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia do Estado (Sedeme), José Fernando Gomes Júnior.

“Recebemos a determinação do governador Helder para interiorizar cada vez mais as ações do Governo. Por isso, os programas econômicos não param de beneficiar ainda mais pessoas nos mais diferentes municípios por todas as regiões do Pará. Estamos liberando a primeira parcela do Renda Pará R$ 400 para trabalhadores autônomos de 20 municípios que sofreram com o lockdown ou medidas restritivas graves, a reação rápida do governo fez a economia movimentar mesmo diante desta crise econômica instalada por conta da pandemia”, afirma o titular da Sedeme.

Os municípios afetados são: Abaetetuba, Alenquer, Ananindeua, Belém, Belterra, Benevides, Cachoeira do Arari, Cametá, Curionópolis, Igarapé-Miri, Juruti, Maracanã, Marituba, Moju, Mojuí dos Campos, Monte Alegre, Óbidos, Oriximiná, Santa Bárbara do Pará e Santarém.

Renda 500 – Também nesta terça, iniciou uma nova rodada de pagamento aos aniversariantes do mês de dezembro do Renda 500.

José Luiz Barbosa, 37 anos, possui um pequeno salão de beleza em casa e conseguiu realizar o saque. “Já ajuda no trabalho da gente, que essa pandemia deixou as coisas meio difíceis. Mas com essa renda já ajuda bastante. Eu tenho um salãozinho em casa, ficou fechado e agora que estou tentando ativar de novo. Vai ajudar no trabalho, para desenvolver mais, comprar material que está faltando”, comentou o cabeleireiro.

Os programas auxiliam na injeção de recursos na economia, como explica o secretário Adjunto da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Minas e Energia, Carlos Ledo.

“Isso demonstra o compromisso do governador Helder com a população do nosso Estado nesse momento tão difícil que a sociedade vive por conta da Pandemia. O Governo do Pará definiu uma série de pacotes econômicos para combater os impactos provocados pela pandemia. O financiamento do Fundo Esperança e o auxílio do programa Incentiva + Pará, garantiram aporte financeiro para milhares de trabalhadores e empresários afetados por conta do lockdown e outras medidas restritivas. A reação rápida do governo do Estado fez a economia movimentar mesmo diante desta crise”, avaliou Carlos Ledo.

Calendário de pagamentos Renda 400

18 de Maio – para nascidos em Janeiro, Fevereiro e Março
19 de Maio – para nascidos em Abril, Maio e Junho
20 de Maio – para nascidos em Julho, Agosto e Setembro 
21 de Maio – para nascidos em Outubro, Novembro e Dezembro.

Por Dayane Baía (SECOM)

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.