Conecte-se conosco

FAMOSOS

Selektah Nubeat explora mistérios de Colares em novo videoclipe

Foto: Reprodução / Fonte: Correio Paraense

“Todo mundo está em busca de algo. Você procura pelo quê?”. Nascido em Castanhal, o produtor musical Selektah Nubeat viajou mais de 80 quilômetros até Colares, em busca de uma cura emocional. A procura é retratada no novo videoclipe do músico, intitulado “La Busca”, que traz elementos do rap, jazz e influências latinas na sonoridade, gravado na cidade do nordeste do Pará. O trabalho será disponibilizado nas plataformas musicais do artista no dia 14 de maio (sexta-feira).

Marcado por significativa herança indígena, Colares é envolvida por mistérios: em 1977, uma operação militar investigou a aparição de Objetos Voadores Não-Identificados (OVNIs), inclusive com relatos de moradores que teriam tido contato com seres de outros planetas. Além disso, o município é conhecido pelas práticas religiosas xamânicas, que se utilizam de saberes ancestrais, no manejo de elementos da natureza, para promover a cura espiritual de seus adeptos.

O imaginário de energias extraterrestres, ancestrais e da natureza e a influência indígena na religião e cultura da cidade são temas do videoclipe, dirigido por Rocky Souza. “Sempre ouvi histórias envolvendo Colares, mas fui ter a minha própria experiência quando conheci casas religiosas do município. A minha busca tinha a ver com ter paz e tranquilidade, e me vi abraçado pela energia da cidade. Através desse clipe, quero homenagear Colares e agradecer pelo acolhimento”, conta o produtor.

Para construir a sonoridade mística, que conta essa narrativa, Selektah Nubeat utiliza o boom bap na bateria, estilo de batida clássica do rap, com base de jazz no piano e a influência caribenha é percebida nos metais e tambores. Ele destaca a subjetividade do trabalho. “É uma música instrumental, então, naturalmente, ela é subjetiva, já que não tem o direcionamento de uma letra. Eu a fiz querendo passar um sentimento, mas acredito que cada pessoa possa interpretar a sua maneira”, conta.

A música traz os músicos Nego Walber na percussão, Jan Andrade na guitarra, mix e masterização e atuação de Sarah Prazeres e Nego Rod no videoclipe, além do Selektah nos beats e produção musical. Além disso, os artistas de Colares, Gleyton Cardoso e Marcelo Corrêa, no trompete e trombone, respectivamente, contribuem para o misticismo do instrumental e também atuam no clipe. “Quis transmitir essa verdade sobre Colares e esse processo passa, também, por empoderar artistas locais”, finaliza.

Sobre o artista

Allan Casimiro, mais conhecido como Selektah Nubeat, iniciou carreira musical em 2012, como DJ em festas de Castanhal, onde nasceu no bairro Nova Olinda. O trabalho avançou e, em 2016, o artista fundou o selo Kizomba Groove para produzir artistas do rap e fomentar a cena independente local. Versatilidade é a marca do produtor, que já tem mais de dez trabalhos gravados. Só em 2021, ele já lançou o álbum de reggae “Cultive”, que conta com o clipe da faixa “O Amor”, em parceria com o cantor e compositor Dudu Urband, e o single e videoclipe “De Lá”, com o rapper castanhalense Kratos.

Por: Fernando Assunção

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.