Conecte-se conosco

BELÉM

Manifestantes fixam cruzes em frente ao Mercado de São Brás, em Belém

Foto: Felipe Melo / Fonte: G1 PA

Representantes de sindicatos e movimentos sociais participaram na manhã desta quinta-feira (15) de um ato simbólico em frente ao Mercado de São Brás, em Belém. Na ocasião, foram fixadas 350 cruzes no local, que simbolizam as mais de 350 mil vidas perdidas para a Covid-19.

De acordo com um dos organizadores da manifestação, João Santiago, coordenador do Sindicato dos Servidores Federais, o ato contou com a participação de um representante de cada sindicato, para evitar aglomerações.

“Estamos culpando o governo pelas mortes, é uma política irresponsável tratar com desdenho a morte de pessoas que têm famílias”, afirma Santiago.

Em Belém, manifestantes pedem a quebra das patentes das vacinas —

“Na faixa central, a gente pede a quebra das patentes das vacinas. 80% dos vacinados estão nos países ricos e a quebra facilitaria para que todos os países tivessem acesso. Nesse nível de vacinação ainda vai ter muitas mortes”, pontua o líder sindical.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.