Conecte-se conosco

ANANINDEUA

Segurança Pública de Ananindeua realizou mais de mil fiscalizações em combate à covid-19 durante o primeiro trimestre de 2021

A Secretaria Municipal de Segurança e Defesa Social de Ananindeua
divulgou o balanço trimestral de ações de fiscalização realizadas pela Guarda Municipal do município em combate à Covid-19.
Neste período, 1.068 locais foram fiscalizados,  resultando em 66 notificações e 06 advertências.  Mais de 220 estabelecimentos foram fechados e 479 máscara de proteção foram entregues durante as averiguações.

De janeiro a março deste ano, a Guarda Municipal realizou 256 operações e registrou 277 acionamentos através do canal de denúncias 153. Os servidores também participaram de dois cursos e capacitações para dar mais efetividade ao serviço prestado aos moradores de Ananindeua.

“Desde que assumimos a Secretaria de Segurança do município, sob o comando do nosso prefeito Dr. Daniel Santos, recebemos um grande desafio. Fazer contenção da despesa e tentar elevar a nossa produtividade e a qualidade dos serviços prestados. E é isso o que temos procurado fazer. Temos trabalhado com tropa da Guarda Municipal e Defesa Civil, a valorização profissional. Hoje as funções gratificadas dentro da Instituição Guarda Municipal se deve à questão da meritocracia. Isso tem criado uma espécie de competitividade salutar e obviamente tem elevado os nossos números”, explicou o capitão Alexsandro da Fonseca, secretário municipal de segurança.

Durante os três primeiros meses de 2021 foram realizadas 5.459 abordagens durante ações de intensificação de segurança na cidade. Mais de 30 pessoas foram apresentadas na delegacia pelas equipes da Guarda Municipal. O efetivo também recuperou 04 veículos roubados e recaptirou 03 foragidos do sistema penal. Além disso, apreendeu dois simulacros de arma de fogo e mais de dois quilos de entorpecentes foram tirados de circulação.

A Defesa Civil do município realizou 42 vistorias durante estes meses que foram marcados pelo número elevado de operações em comparação ao mesmo período do ano passado. Em 2020 foram registradas 43 ações deste tipo. Em 2021, 256. Um aumento significativo de 595%.

O mesmo aconteceu com o número de atendimentos ao canal 153. No ano passado  houve 100 registros de atendimento e neste ano foram mais 270. Aumento de 170%.

As abordagens também foram intensificadas registrando um aumento de 398%. Em 2020 foram 1.372 em 2021, 5.459.

“Em todos os segmentos há aumento na produtividade de forma quantitativa e também qualitativa e também nos chama a atenção o número de operações realizadas, subindo quase 600% comparado ao primeiro trimestre do ano passado.

O número de abordagens realizadas também é significativo. Fazemos abordagens diante de atitudes suspeitas intuidas ou fundadas. Tivemos um acréscimo de quase 400 %. Tudo isso é fruto de um trabalho integrado juntamente com diversos órgãos, o que nunca existiu aqui em Ananindeua. É um trabalho realizado de forma técnica e estrategicamente planejado.

Hoje temos acesso ao banco de dados e fonte oficial da Segup e então conseguimos planejar o emprego do nosso efetivo de acordo com a mancha criminal. Isso é uma ganho muito positivo. Ou seja, a gente não lança o efetivo nas ruas onde acha que deve lançar. Nós lançamos onde de fato o crime acontece, no dia da semana e horário que mais se repete justamente com o objetivo de diminuir os índices de criminalidade”, ressaltou o titular da Sesdes.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
To Top