Conecte-se conosco
Foto: Reprodução / Fonte: Agência Belém

BELÉM

Belém é indicada para sediar o X Fórum Pan-Amazônico

A cidade Belém foi indicada para ser sede do X Fórum Social Pan-Amazônico (Fospa), que será realizado no segundo semestre de 2022. A indicação foi feita pelo conselho do Fospa.

O Fórum foi criado em 2002, com a ajuda do atual prefeito de Belém, Edmilson Rodrigues. O evento tem como objetivo a defesa da Amazônia e seus povos, combate ao neoliberalismo, alterações climáticas, além de proporcionar convivência intercultural. 

A escolha da sede do evento será decidida nesta quinta-feira, 25, pelo conselho, formado por representantes dos nove países que fazem parte do evento social, entre eles, Brasil, Venezuela, Colômbia, Peru, Guiana Francesa/Caiena, Suriname, República Cooperativa de Guiana, Equador e Bolívia. 

Segundo o prefeito Edmílson Rodrigues,  Belém é uma cidade importante no cenário amazônico e que, por isso, possui um papel estratégico em diversos aspectos. “A nossa vontade de ter o fórum em Belém é porque a cidade cumpre um papel estratégico geopolítico, na defesa da democracia e de um projeto baseado na justiça social e no equilíbrio ecológico”, explicou. 

Edições – O Fórum Pan-Amazônico é realizado a cada dois anos. A última edição foi em 2020, na cidade de Mocoa, na Colômbia. O evento foi no formato virtual, por causa da pandemia do coronavirus.

Caso seja escolhida, a cidade de Belém sediará  pela terceira vez o evento, sendo anfitriã nas duas primeiras edições do Fospa, realizadas em 2002 e 2003. “Belém é uma cidade que tem tradição para esses encontros. Já foi sede do Fórum Social Mundial, além de ter sediado duas vezes o Fórum Pan-Amazônico e o segundo Encontro Americano pela Humanidade e Contra o Neoliberalismo”, finalizou Luiz Arnaldo Pontes, integrante do Comitê/Belém do Fospa.Texto:

Por: Victor Miranda

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
To Top