Conecte-se conosco

BELÉM

Realização de sonho marca a festa de aniversário de seis anos do Oncológico Infantil

Larissa teve o privilégio de posar para foto dentro da viatura. Foto | Comunicação Pró-Saúde

A emoção marcou a festa de seis anos de aniversário do Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo, em Belém, nesta quarta-feira, 13. Música, dança e alegria contribuíram para animação da festa, em conjunto com o multicolorido da temática circense, que chamou bastante a atenção das crianças.

A celebração começou com uma bênção religiosa na entrada principal do hospital, proferida pelo padre Lucas Altmayer, do Instituto Bom Pastor. Em seguida, a diretoria agradeceu ao público presente formado por colaboradores, pacientes e seus familiares.

Na ocasião, o diretor Hospitalar do Oncológico Infantil, Fábio Machado, destacou a expressividade dos números em atendimento ao longo deste período. “Atingir mais de 1,8 milhão de atendimentos com a oferta de diferentes serviços na oncologia pediátrica nos dá certeza de que estamos no caminho certo e que muitas conquistas obtidas tiveram o apoio de todo o nosso time de profissionais, que trabalham com dedicação e amor pelo que fazem”, disse.

Desde o dia 11, e até o dia 15 de outubro, diversas ações integram a Semana da Criança na unidade, como contação de histórias, entrega de brinquedos, apresentação de balé, dia da beleza, karaokê dos heróis, encenação de grupo musical, bem como apresentação de trupe teatral, dentre outras que vão alegrar a festa.

O Hospital Oncológico Infantil Octávio Lobo é a principal referência no tratamento oncológico infantojuvenil na Região Norte do Brasil. A Unidade pertence ao Governo do Estado do Pará, sendo gerenciado pela entidade filantrópica Pró-Saúde, desde a sua inauguração, por meio de contrato com a Secretaria de Estado de Saúde Pública (SESPA).

O momento especial da foto com o bolo. Foto / Comunicação Pró-Saúde

Realização de sonho

Um ponto alto da festa foi a supressa feita à adolescente Larissa Lobato, de 16 anos. Natural de Macapá (AP), a paciente faz há três anos tratamento contra uma leucemia. Larissa cursa o 8º ano do ensino fundamental e tem um sonho de ser policial de elite e fazer parte do Batalhão de Operações Especiais, também conhecido como BOPE.

Desde muito cedo a adolescente tem admiração pelos policiais. O gosto pela carreira começou quando passou a assistir aos noticiários e filmes com atuações policiais.

Ao ser chamada de surpresa diante do público que acompanhava a abertura do evento, ela ficou sem acreditar que naquele momento teria uma parte do seu sonho realizado e não conteve a emoção. “Eu sempre sonhei em ser policial. Eu não esperava isso. É muita emoção em poder ver eles de perto. Eu só via de longe, eu admiro o trabalho deles. Eu vou me dedicar para chegar aonde eles chegaram. Eu quero ser igual a eles”, disse, tomada pela emoção.

O Tenente PM do Batalhão de Operações Especiais, Bruno Farah, compartilhou sua satisfação em poder participar do momento. “Cada um de nós nesta profissão teve uma história de superação. Você terá a sua, e estamos felizes e honrados em ter você como nossa admiradora”, observou o policial.

Já na brinquedoteca do hospital, profissionais como enfermeiros, médicos, técnicos de enfermagem, auxiliares administrativos e demais colaboradores de outras áreas assistiram às apresentações de dança moderna e à homenagem a profissionais que também completaram seis anos de atividades no hospital.

Alunos e professores da Classe Hospitalar, que funciona dentro do hospital, fizeram uma homenagem com um tipo de acróstico usando letras da palavra parabéns, mesclando valores do hospital e outras expressões positivas.

Após o momento dos parabéns, houve a participação especial do líder da Banda “Os Vingadores do Brega”, que interagiu com colaboradores ao som de um dos ritmos musicais mais típico do Pará: o brega.

O líder da Banda “Os Vingadores do Brega” com a equipe assistencial. Foto / Comunicação Pró-Saúde.

Atendimento

Até o mês de setembro de 2021, o hospital alcançou a marca de 1.884.319 de atendimentos, dos quais foram 2.741 cirurgias, 8.337 internações, 92.262 consultas ambulatoriais, 174.465 sessões de quimioterapia, 459.308 atendimentos multiprofissionais (Fisioterapia, Fonoaudiologia, Psicologia, Serviço Social e Terapia Ocupacional) e 1.044.813 exames.

Conquistas

No dia 23 de setembro de 2021, o Oncológico Infantil Octávio Lobo foi recomendado, com louvor, pelos avaliadores da Fundação Vanzolini para a renovação do certificado Acreditado com Excelência ONA.

Em outubro de 2019, a unidade recebeu pela primeira vez a acreditação ONA 3, certificação concedida pela Organização Nacional de Acreditação – ONA, entidade não governamental e sem fins lucrativos que atesta o alto padrão de qualidade de serviços e segurança assistenciais, com foco na segurança do paciente.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.