Conecte-se conosco

BOA AÇÃO

Campanha “Tem crianças precisando de nós” atende 120 escolas públicas no Pará, beneficiando mais de 73 mil alunos

Em última reversão à iniciativa, MPT destinou aproximadamente R$ 8 mil para a aquisição de 476 resmas de papel, atingindo a meta planejada inicialmente pelos organizadores da ação.

Foto: Reprodução / Fonte: Ministério Público do Trabalho

A campanha “Tem crianças precisando de nós” foi encerrada na última semana com enorme sucesso. A ação, organizada pelo Tribunal Regional do Trabalho da 8ª Região com apoio do Ministério Público do Trabalho PA-AP e do Fórum Paraense de Erradicação do Trabalho Infantil e de Proteção do Trabalho Adolescente (FPETIPA), beneficiou 73. 342 alunos no Pará. Ao todo foram arrecadadas 4.720 resmas de papel utilizadas para impressão de atividades escolares a serem entregues a estudantes de escolas públicas, sem aulas presenciais desde o início da pandemia de Covid-19.

A meta foi atingida na semana passada, após a última reversão feita pelo MPT, de cerca de R$ 8 mil, provenientes de acordo judicial firmado com a Oncológica Brasil S/S LTDA. Os recursos foram empregados na compra de 476 resmas de papel.

A Oncológica do Brasil firmou um acordo judicial com o MPT PA-PA no ano passado, no qual se comprometeu a pagar os salários de seus empregados, integralmente, até o quinto dia útil do mês seguinte, a partir da competência de agosto/2020; pagar, a título de indenização pelos atrasos salariais já ocorridos, de janeiro a julho/2020, multa mensal de 4% sobre o salário base, reversível ao trabalhador prejudicado e para cada mês de atraso; além do montante de R$32.900,00 parceladamente, a ser destinado para entidade filantrópica indicada pelo MPT. Uma das parcelas do referido acordo foi direcionada à campanha “Tem crianças precisando de nós”.

Processo: 0000124-81.2020.5.08.0018

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.