Conecte-se conosco

Chega a vez dos nascidos em novembro e maio receberem o Renda Pará de R$ 100 e R$ 500

Foto: Ricardo Amanajás / Ag. Pará / Fonte: Agência Pará

ECONOMIA PARAENSE

Chega a vez dos nascidos em novembro e maio receberem o Renda Pará de R$ 100 e R$ 500

Boa notícia para os beneficiários do Renda Pará, do governo do Estado, pago em cota única. De acordo com o novo calendário de pagamentos, nesta sexta (16), sábado (17) e segunda (19) recebem o benefício de R$ 100, pago aos assistidos pelo Bolsa Família, as pessoas nascidas no mês de novembro. Também nesses mesmos três dias, serão atendidos os autônomos assistidos pelo programa, cadastrados para receber R$ 500, que nasceram no mês de maio. O atendimento pode ser realizado em qualquer agência do Banco do Estado do Pará (Banpará).

As alterações no planejamento de saques foram realizadas para evitar aglomerações, diante da crise sanitária da Covid-19. Antes, eram dois dias de pagamento; atualmente são três dias para cada mês de aniversário. Além disso, o funcionamento do Banpará aos sábados, das 8h às 14h, será exclusivo para beneficiários do Renda Pará e do Fundo Esperança. Foi providenciado ainda o aumento das equipe em cada agência para garantir maior agilidade, triagens e auxílio aos usuários.

Assistência – “O pagamento de mais de 550 mil famílias, até o momento, beneficiárias do programa Renda Pará de R$ 100 totalizando valores acima de R$ 55 milhões, tem ajudado muito na mitigação dos riscos de vulnerabilidade social e econômica, tendo em vista que esses recursos se transformam em alimentos nas mesas da camada mais carente da sociedade paraense. O Banpará se sente muito gratificado em ser o intermediador entre o governo e a população paraense, na operacionalização dos pagamentos de todos os programas sociais, inclusive do Bora Belém, que é uma parceria do Estado com a Prefeitura de Belém”, destaca o presidente da instituição financeira, Braselino Assunção.

A maquiadora Larissa Santos, de 28 anos, conta que enfrentou muitas dificuldades financeiras causadas pela pandemia. Dona de um estúdio de maquiagem que funciona próximo à sua casa, ela precisou parar as atividades em consequência do cancelamento de eventos como casamentos, formaturas e bailes de debutantes. “Eu tinha muitas clientes agendadas, mas todas cancelaram e perdi a minha fonte de renda”, confirma.

Ela realizou o cadastramento pelo site oficial para obter o auxílio de R$ 500 e logo foi aprovada. A maquiadora relatou ter sido bem atendida na agência do Banpará, conseguindo efetuar imediatamente o saque do valor disponível logo no primeiro dia do calendário de atendimento, que iniciou em 1o de abril. “O dinheiro do auxílio que recebi irá ajudar nas despesas de casa, como, por exemplo, na alimentação e no pagamento das contas fixas. Com essa ajuda, tenho esperança em dias melhores para voltar a trabalhar”, afirma Larissa.

Balanço – Até às 9h desta quinta, 15, 540.689 beneficiários do Renda Pará sacaram o auxílio de R$ 100, totalizando um investimento de R$ 54.068.900,00. Já os autônomos que tiveram acesso ao pagamento de R$ 500 somam 43.652 pessoas, e um valor total pago de R$ 21.826.000,00.

Ajustes – A mudança no cronograma de pagamentos foi realizada para garantir agilidade e segurança no atendimento aos beneficiários tanto do programa de transferência de renda como também do de incentivo à economia, Fundo Esperança, ambos criados e executados pelo governo estadual e sob administração da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia (Sedeme).

Por Carol Menezes (SECOM)

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
To Top