Conecte-se conosco

BELÉM

Av. Presidente Vargas passa a usar sistema de paradas de ônibus seletivas, em Belém

Com a mudança, cada linha fará apenas duas paradas alternadas nos quatro pontos de ônibus ao longo da via, tornando o fluxo mais dinâmico e evitando engarrafamentos.

Foto: João Gomes/Comus / Fonte: G1 PA

A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) anunciou que vai implantar o sistema de paradas seletivas na avenida Presidente Vargas, no bairro da Campina. Com a mudança, cada linha fará apenas duas paradas alternadas nos quatro pontos de ônibus ao longo da via, tornando o fluxo mais dinâmico e evitando engarrafamentos.

A decisão foi tomada após um levantamento da situação das paradas de ônibus no centro histórico da capital durante o mês de janeiro.

Durante este mês de maio, um trabalho educativo está orientando usuários e operadores do sistema de transporte público antes das mudanças. Até a próxima sexta-feira (21), a ação é realizada nos pontos da av. Presidente Vargas, devido ao intenso movimento.

Os usuários de ônibus que utilizam as paradas da avenida acabam ocupando uma faixa da rua. O hábito é motivado pela obstrução das calçadas e também pela parada dos ônibus fora da área prevista para embarque e desembarque.

A operação faz parte da campanha Maio Amarelo pela conscientização da segurança no trânsito. Durante a atividade, uma equipe aborda tanto os usuários, quanto os motoristas de ônibus, para orientar sobre a forma correta de acesso ao transporte público na área. A Organização Pública de Belém também faz um trabalho de educação e conscientização para que os vendedores ambulantes se adequem às normas de ordenamento público.https://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-38/html/container.html

“As pessoas se acostumaram a esperar na rua pelo ônibus. Além de ser um risco desnecessário, você não ganha mais tempo para embarcar. Na verdade, acaba atrasando o trânsito. Com a pista ocupada, o ônibus se vê obrigado a parar fora do ponto ou em filas duplas o que, por sua vez, formam engarrafamentos. É um erro atrás do outro, por isso a SeMOB está intensificando a educação e a fiscalização no local”, afirma Tatiane Pinheiro, chefe de Educação para o Trânsito da SeMOB.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.