Conecte-se conosco

COLUNA - DIREITO & DEVERES

Doações para refugiados Venezuelanos em Belém, saiba como ajudar

Foto: Silvio Garrido / Fonte: Correio Paraense

Refugiados são pessoas que estão, por via de regra, em condições de grave vulnerabilidade social. A ineficiência de políticas na proteção de direitos humanos de refugiados expõe a fragilidade do tratamento prestado pelo Poder Público a esse destinatário tão carente de direitos.

Nesse cenário, a participação da sociedade civil é fundamental para construção de uma rede de solidariedade que possa suprir, mesmo temporariamente, alguns direitos básicos que os refugiados urgentemente necessitam, tais como vestuário e alimentação.

O mundo possui em torno de 80 milhões de refugiados e praticamente a metade são crianças ou adolescente. Estima-se que somente da Venezuela haja 4 milhões de pessoas que foram forçadas a sair de seu país para ter alguma chance de sobrevivência.

O refugiado não é alguém que está no Brasil porque quer. É uma pessoa forçada a sair e que não pode retornar a seus país de origem. Recebê-los com solidariedade é um exercício básico de humanitarismo e bondade.

Para auxiliar os indígenas Waraos, uma campanha de arrecadação de roupas e alimentos foi iniciado pela acadêmica de direito Yasmin Bastos e a bela em direito Juliana Maia. A finalidade é auxiliar refugiados indígenas no município de Ananindeua com doações de cesta básica, roupas e brinquedos.

Para contribuir entre em contato com Yasmin Bastos no telefone (91) 981847235. Se for doar roupas, brinquedos ou calçados o ideal é higieniza-los para entregar limpo e sem possibilidade de transmissão do coronavírus.

As doações para refugiados indígenas Waraos da Venezuela é apoiada pela Comissão de Relações Internacionais da OAB/PA. Toda solidariedade é bem-vinda.

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.