Conecte-se conosco

AMAZÔNIA

ABIU | Frutas amazônicas que serão fáceis de encontrar nos próximos meses

Foto: Reprodução / Fonte: PORTAL AMAZÔNIA

O abieiro, abiu, abiurana, abiurana-acariquara, abiorama, abio ou guapeva ou cabo-de-machado é uma árvore frutífera da família Sapotaceae, nativa da Amazônia Central e da Mata Atlântica costeira do Brasil. 

Florescem nos meses de agosto, setembro, outubro, novembro, dezembro e janeiro do ano seguinte. O abiueiro é uma árvore lactescente de porte médio, podendo alcançar até 20 metros de altura.

A fruta é uma baga com forma globosa ou elipsoide de extremidade arredondada ou afilada, medindo em média 8cm  de comprimento por 6cm de diâmetro, possui consistência grossa, porém pouco densa, superfície lisa, coloração amarelada ou amarelo-esverdeado-brilhante. Morder uma fruta de abiu “amarra” a boca, devido ao visgo que contém em sua casca. Mesmo madura a casca ainda “pega” na boca. Uma variedade de abiu proveniente do Alto Solimões, na Amazônia, produz frutos com até 1 quilo!

Benefícios

Essa fruta tem uma boa quantidade de fibras, vitaminas e sais minerais e, na medicina popular é usada para tratar anemias, disenterias, dor de ouvido, malária, bronquite, desnutrição e problemas respiratórios, dizem que até pode curar pneumonia. O seu látex é bastante usado para ajudar a cicatrização de feridas, que desinfeta e cola, de dentro para fora, impedindo infecções e reduzindo a inflamação. Também se usa o látex para curar verminoses. O chá de abiu é usado para tratar terçol – duas gotinhas no olho inflamado.

Por: Lia Corpes

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.