Conecte-se conosco

PARÁ

Pará bate recorde de exportações em março, revela Ministério da Economia

Parauapebas é 2ª e Canaã, 5ª, no ranking de municípios que mais transacionaram produtos rumo ao exterior. Quando o assunto é lucro comercial, ambos são primeiros colocados no país.

Foto: Reprodução / Fonte: Blog Zé Dudu

Desde que os dados da balança comercial começaram a ser computados pelo Governo Federal, o Pará nunca tinha apresentado um março tão bom quanto o deste ano. No mês passado, o estado movimentou 2,356 bilhões de dólares em commodities diversas, mais que o dobro do registrado no mesmo período do ano passado.

As informações foram levantadas com exclusividade pelo Blog do Zé Dudu, que analisou dados consolidados das transações comerciais do país revelados nesta quinta-feira (8) pelo Ministério da Economia. As exportações paraenses em março de 2021 foram 113% superiores, em termos financeiros, às processadas em março de 2020, quando foram registrados 1,104 bilhão de dólares.

No mês passado, o Pará ficou na 5ª posição nacional, atrás de São Paulo (4,218 bilhões de dólares), Minas Gerais (3,117 bilhões), Mato Grosso (2,594 bilhões) e Rio de Janeiro (2,557 bilhões). No acumulado do ano, porém, o estado sobe à 3ª colocação, já tendo movimentado em 2021 um total de 6,433 bilhões de dólares, volume financeiro só superado por São Paulo (10,66 bilhões) e Minas Gerais (7,664 bilhões).

O minério de ferro respondeu por 73% das transações originárias no Pará, batendo recorde de exportações em março, com 1,722 bilhão de dólares. É o maior volume financeiro embarcado em minério da história do país.

CONFIRA OS 10 PRODUTOS PARAENSES MAIS COMPRADOS NO EXTERIOR

  • 1º) Minério de ferro: 1,722 bilhão de dólares
  • 2º) Cobre: 254,99 milhões de dólares
  • 3º) Hidróxido de alumínio: 108,41 milhões de dólares
  • 4º) Soja: 41,99 milhões de dólares
  • 5º) Ferro-ligas: 35,75 milhões de dólares
  • 6º) Ouro: 34,32 milhões de dólares
  • 7º) Carne bovina: 33,14 milhões de dólares
  • 8º) Alumínio em forma bruta: 24,62 milhões de dólares
  • 9º) Caulim: 12,82 milhões de dólares
  • 10º) Pasta de madeira: 12,48 milhões de dólares

Os municípios paraenses de Parauapebas e Canaã dos Carajás estão entre os 5 maiores exportadores do Brasil. Em março, Parauapebas ficou em 2º lugar, com 1 bilhão de dólares, enquanto Canaã dos Carajás ficou na 5ª colocação, com 767,08 milhões de dólares. Em se tratando de resultado comercial (diferença entre exportações e importações), contudo, Parauapebas e Canaã são líderes nacionais em superávit, haja vista embarcarem commodities extremamente valiosas e importarem muito pouco produto do exterior.

Os paraenses Barcarena (206,38 milhões de dólares) e Marabá (198,66 milhões de dólares) também apresentaram excelentes volumes de commodities transacionadas e ocuparam as 20ª e 21ª posições, respectivamente. Barcarena e Marabá também estão entre os dez municípios brasileiros que mais dão lucro ao Brasil.

CONFIRA OS 5 MUNICÍPIOS BRASILEIROS QUE MAIS EXPORTARAM EM MARÇO

  • 1º) Duque de Caxias (RJ): 1,702 bilhão de dólares
  • 2º) Parauapebas (PA): 1,009 bilhão de dólares
  • 3º) Rio de Janeiro (RJ): 855,46 milhões de dólares
  • 4º) São Paulo (SP): 831 milhões de dólares
  • 5º) Canaã dos Carajás (PA): 767,08 milhões de dólares

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.