Conecte-se conosco

PARÁ

Novas regras de trânsito entram em vigor a partir do dia 12 de abril

Confira as principais mudanças do Código de Trânsito Brasileiro (CTB)

Foto: Ricardo Amanajas / Ag.Para / Fonte: Agência Pará

Lei 14.071/20, que altera o Código de Trânsito Brasileiro (CTB) e define novas regras de tráfego no país, entrará em vigor a partir do dia 12 de abril de 2021. Entre as regras sancionadas pelo Governo Federal estão a ampliação da validade da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), a mudança de pontuação para a suspensão da CNH e a obrigatoriedade do transporte de crianças até 10 anos em cadeirinhas.

O diretor-geral do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran), Marcelo Guedes, acredita que as novas regras podem reduzir a burocratização e os custos dos serviços do órgão. Por outro lado, ressalta o avanço da fiscalização das leis de trânsito no Estado.

“Ainda que o Código de Trânsito Brasileiro flexibilize novas regras com a vigência desta legislação, é importante que os condutores não relaxem e desrespeitem as normas. O Estado, através do Detran, tem avançado, cada vez mais, com a fiscalização a partir do investimento de meios tecnológicos. Seguiremos com a cobrança dos rigores da lei”, ressalta o diretor.

VALIDADE

– Condutores até 50 anos: a validade da CNH passou de cinco para dez anos 

– Condutores de 50 até 70 anos: será necessário renovar a CNH a cada cinco anos

– Condutores com mais de 70 anos: precisarão renovar a CNH a cada três anos.

A validade do exame pode ser reduzida conforme critérios médicos. 

PONTUAÇÃO

Passam a ser considerados três limites relacionados à quantidade de pontos para a suspensão da CNH (no período de 12 meses):

– 20 pontos para quem possui duas ou mais infrações gravíssimas

– 30 pontos para aqueles com uma infração gravíssima

– 40 pontos, se não houver nenhuma infração gravíssima

O limite anterior para a suspensão do direito de dirigir, segundo Marcelo Guedes, era de 20 pontos, o que representava, por exemplo, três infrações gravíssimas (7 pontos). “A ideia da nova legislação é de tentar prorrogar um pouco mais o limite para a suspensão, com o aumento da pontuação, tendo em vista a complexidade do trânsito”, afirma. 

O diretor exemplifica que um motorista que comete duas infrações gravíssimas (14 pontos) e duas infrações leves que extrapolem os 20 pontos, tem a CNH suspensa e não precisa alcançar os 40 pontos, que só valem em caso de infrações leves, médias até graves.

A punição, para os casos de suspensão direta, pode variar de dois a oito meses, ou de oito a 18 meses se houver reincidência. Para o condutor que exerce Atividade Remunerada vale a regra de 40 pontos, no período de 12 meses, independente do tipo de infração cometida.

CADEIRINHA

Antes, crianças até 7 anos deveriam ser transportadas obrigatoriamente em cadeirinhas. Com a nova legislação, a obrigatoriedade passa a ser para crianças até 10 anos e surge uma nova exigência relacionada ao tamanho, que deve ser, no mínimo, 1,45m.

“Crianças menores de 10 anos que não tenham atingido esta altura devem ocupar o banco traseiro e utilizar equipamento de retenção adequado. Após essa idade, está liberado andar, tanto na frente, como atrás, com o cinto de segurança do automóvel. Em termo de segurança, essa foi uma medida importante”, afirma Marcelo Guedes.

Confira outras mudanças no CTB.

Por Giovanna Abreu (SECOM)

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.