Conecte-se conosco

POLÍCIA

Casa noturna de Salinópolis é fechada por lotação excessiva na pandemia

Quebra de decreto municipal com regras de proteção contra a covid-19 ocorreu por duas noites seguintes, no sábado e domingo

Foto: Reprodução / Fonte: O Liberal

A Secretaria de Meio Ambiente da Prefeitura Municipal de Salinópolis (Semma) embargou nesta segunda-feira (13) um bar e restaurante localizado na praia do Farol Velho. A interdição ocorreu por descumprimento do decreto municipal de n° 28/2020.  A casa promoveu uma fez com grande aglomeração de pessoas, disse a prefeitura.

Os fiscais da Semma estiveram no estabelecimento denominado “Prainha” e efetuaram o embargo do funcionamento. Segundo a secretaria municipal, por dois dias seguidos, nas noites do sábado(11) e do domingo (12), o local promoveu uma festa com grande lotação. 

A prefeitura de Salinópolis diz que a casa estava “descumprindo o decreto em vigor, que prevê medidas para o combate e prevenção  ao novo coronavírus”.

Salinópolis: a pior em isolamento social no domingo 


No último domingo (12), o Pará alcançou a 25ª posição no ranking nacional de isolamento, embora tenha subido a 45,65% as taxas no Estado – marcadas por sucessivos balanços na casa dos 30% entre as pessoas que permanecem em casa para evitar a proliferação do novo coronavírus.

Assim, o Estado ficou na terceira pior posição entre as 27 unidades federativas (estados e o Distrito Federal), confirmam os dados divulgados esta segunda-feira (13) pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup). As cidades com maior registro de desobediência à recomendação de ficar em casa foram Salinópolis (35,2%), São Sebastião da Vista (32%) e Senador José Porfírio (29,4%).

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.