Conecte-se conosco

PARÁ

Belterra está entre as cidades do Pará com melhores índices de isolamento social

Foto: Reprodução /Fonte: Blog de Amazônia

Belterra, no Oeste do Pará, ficou entre os três municípios com melhores índices de isolamento social do estado, neste domingo (12). No mesmo dia, o Pará alcançou a 25ª posição no ranking nacional de isolamento, com taxa de 45,65% das pessoas em casa para evitar a proliferação do novo coronavírus.

Os dados foram divulgados pela Secretaria Estadual de Segurança Pública e Defesa Social (Segup).

Na análise das cidades paraenses, o três melhores índices de isolamento foram nos municípios de Santarém Novo (66,7%), São João da Ponta (59,1%) e Belterra (57,6%).

Com estilo arquitetônico americano, no meio da Amazônia, Belterra fica a 50 quilômetros de Santarém pela BR-163. A cidade foi fundada em 1934, pelo norte americano por Henry Ford. O munícipio tem fortes traços do período do ciclo da borracha. 

Entre os atrativos naturais da cidade as praias se destacam. A mais conhecida e visitada é  Pindobal. O atual prefeito é o médico conhecido por Dr. Macedo que isolou a cidade com toque de recolher, barreira sanitária e lockdown.

As cidades com maior registro de desobediência à recomendação de ficar em casa foram Senador José Porfírio (29,4%), São Sebastião da Vista (32%) e Salinópolis (35,2%).

Ualame Machado, secretário de Segurança Pública, enfatiza a necessidade do isolamento mesmo nesse período em que as pessoas seguem viajando para o interior do Estado. “Apesar dos alertas, a população tem viajado para aproveitar o verão amazônico, porém esse não é o momento de relaxar as medidas protetivas de segurança”, alertou o titular Segup.

RMB 

Na capital paraense e em Ananindeua foram registrados, respectivamente, os índices de 46,94% e 45,3%. Em Belém, incluindo os distritos, os bairros com as maiores taxas de pessoas em casa foram: Mangueirão (57,8%), Cidade Velha (57,4%) e Val-De-Cães (56,7%). Já as piores taxas ficaram com Carananduba (15,0%), Cotijuba (29,2%) e Água Boa (32,2%).

Em Ananindeua, os melhores índices foram registrados nos bairros da Cidade Nova IV (54,9%), Cidade Nova VIII (51,9%) e Providência (51,6%); as piores taxas foram observadas em Centro (35,4%), Guanabara (36,8%) e Águas Lindas (37,1%).

Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda

Copyright © 2021 Correio Paraense todos os direitos reservados.