Conecte-se conosco

Votorantim Cimentos amplia uso de biocombustíveis no Pará

Foto: Reprodução / Fonte: Votorantim Cimentos

ANANINDEUA

Votorantim Cimentos amplia uso de biocombustíveis no Pará

95% do combustível utilizado na fábrica de argamassa em Ananindeua são subprodutos da madeira, garantindo produção mais sustentável.

A fábrica da Votorantim Cimentos em Ananindeua, na região metropolitana de Belém, é pioneira entre as unidades de argamassa da empresa a utilizar combustíveis renováveis no processo produtivo. A fábrica usa serragem de madeira em substituição ao óleo diesel que seria adicionado no forno de secagem industrial de areia. A areia seca é o principal insumo para produção da argamassa. 

O aproveitamento de biomassas, matéria orgânica de origem vegetal, garante um percentual de substituição térmica de até 95% na fábrica. Os principais fornecedores da serragem de madeira são empresas do agronegócio e da indústria metalúrgica da região. Desde que a Votorantim Cimentos assumiu a gestão da unidade,em 2019, já foram consumidas quase 2 mil toneladas de resíduos como energia alternativa na produção de argamassa.

Hoje, a capacidade de produção da fábrica em Ananindeua supera as 200 mil toneladas por ano. A unidade produz as argamassas colantes tipo para Cerâmica Interna (ACI), Cerâmica Externa (ACII e ACIII), Porcelanato Interno e Piso Sobre Piso com a marca Votomassa.

Segundo o gerente geral de Argamassa da Votorantim Cimentos, Carlos Vicente Flores Escalona, além de produzir com uma taxa de substituição muito próxima à meta de carbono neutro, a fábrica de Ananindeua ainda contribui para que outras empresas operem de forma sustentável dentro do conceito de economia circular.

“Todas as nossas iniciativas voltadas à ecoeficiência são embasadas em análises e estudos que cumprem rigorosamente a legislação em vigor. Isso proporciona segurança às empresas para firmar parceria conosco e destinar seus resíduos de forma legal e ambientalmente correta. Assim, agregamos valor a toda uma cadeia produtiva”, afirma Flores.

Ampliação de combustíveis renováveis – Com essa iniciativa em argamassa, a Votorantim Cimentos amplia uso de biocombustíveis na sua produção no Estado do Pará. A companhia também utiliza caroço de açaí na fabricação de cimento em sua fábrica de Primavera, localizada na região nordeste paraense.Antes passivos ambientais, os resíduos tornaram-se fontes de energia nos fornos de cimento, substituindo parte do coque de petróleo, importado do Golfo do México. Por meio dessa medida, a fábrica auxilia no descarte adequado dos caroços e, desse modo, contribui para aumentar a vida útil dos aterros e evita a poluição de rios.

Em 2020, a perspectiva é consumir 150 mil toneladas de caroço do açaí nos fornos de cimento da fábrica de Primavera. Atualmente, o índice de substituição térmica nesta unidade chega a 50%, o que faz com que a operação seja mais sustentável, já que emite menos gases (CO2, NOX e SOX) por tonelada de cimento produzida.

A Votorantim Cimentos foi pioneira no País em coprocessamento e utiliza o processo desde 1991. A empresa também cumpre as normas específicas de qualidade da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) e o coprocessamento atende a regulamentação da atividade (Resolução CONAMA Nº 264/99).

Fábrica em Ananindeua utiliza serragem de madeira para produção mais sustentável. Crédito: Votorantim Cimentos.

Sustentabilidade 2030 – Ambas as iniciativas no Pará operam em sintonia com os Compromissos de Sustentabilidade para 2030 da Votorantim Cimentos, principalmente nos pilares de pegada ambiental e economia circular. O lançamento dessas metas em novembro deste ano alinha todas as operações mundiais da companhia às demandas atuais e futuras da sociedade.

A meta da Votorantim Cimentos é reduzir para 520kg a emissão de CO2 por tonelada de cimento até 2030. Entre 1990 e 2019, a empresa já reduziu 23% a sua emissão de CO2 por tonelada de cimento, volume que passou de 763 kg para 591 kg. Outro compromisso é atingir 53% de substituição térmica, percentual de energia vinda de combustíveis alternativos aos combustíveis fósseis, e reduzir o fator clínquer para 68%. Já no longo prazo, a companhia compromete-se a desenvolver e implementar tecnologias que permitam entregar para a sociedade um concreto com emissão neutra de carbono até 2050.

Para a Votorantim Cimentos, a sustentabilidade é uma jornada que caminha junto com sua trajetória de mais de 80 anos. Em 2020, a companhia deu mais um passo ao renovar seus compromissos em sustentabilidade estabelecidos anteriormente. Para atender as novas necessidades da sociedade, os compromissos também estão integrados aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da ONU, uma pauta global com 17 objetivos e 169 metas a serem alcançadas até 2030.

“Nossos Compromissos em Sustentabilidade para 2030 estão alinhados com as melhores práticas ambientais, sociais e de governança, conhecidas como ESG (sigla em inglês que avalia as operações das empresas nos três eixos citados) e convergem com nosso comprometimento com a agenda de Mudanças Climáticas. Nossa visão de futuro é baseada no conceito de solidez flexível. Somos sólidos para entregar o que propomos com excelência, ética, segurança e atuação global. Ao mesmo tempo, somos flexíveis para nos adaptarmos às novas necessidades da sociedade, utilizando as tendências e evoluções tecnológicas para aproveitar melhor os recursos, evoluir os processos e impactar positivamente a vida das pessoas”, afirma o diretor Global de Sustentabilidade e Relações Institucionais da Votorantim Cimentos, Álvaro Lorenz.

Serragem de madeira é fonte de energia para secagem industrial de areia. Crédito: Votorantim Cimentos.

Sobre a Votorantim Cimentos

Fundada em 1933, a Votorantim Cimentos é, hoje, uma das maiores empresas globais do setor. O portfólio de materiais de construção vai além dos cimentos e inclui concretos, argamassas e agregados. A companhia também atua nas áreas de insumos agrícolas, gestão de resíduos e coprocessamento. São quase 12 mil empregados e uma receita líquida de R$ 13 bilhões em 2019. As unidades da Votorantim Cimentos estão estrategicamente próximas aos mais importantes mercados consumidores em crescimento e presente em dez países, além do Brasil: Argentina, Bolívia, Canadá, Espanha, Estados Unidos, Luxemburgo, Marrocos, Tunísia, Turquia e Uruguai. Se no passado a Votorantim Cimentos tinha orgulho de ter contribuído para o desenvolvimento e industrialização do país, hoje a empresa constrói o futuro com parcerias, diversidade, inovação e sustentabilidade, sempre focada em seu propósito: a vida é feita para durar. Mais informações em www.votorantimcimentos.com.br

Por: Rosana Terra

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
Propaganda
To Top